Cultivo

O Renascer da Agricultura – Ernst Götsch

O Renascer da Agricultura
renascer_agricultura_ernstgotschDados técnicos:
Título: O Renascer da Agricultura
Autor: Ernst Götsch
Tradutora: Patrícia Vaz
Edição: 2ª
Ano: 1996
Editora: AS-PTA

Síntese:
A obra traz uma apresentação sistematizada dos princípios que regem os sistemas de agrossilvicultura ou agroflorestais. Em seu prefácio define o projeto como uma tentativa de harmonizar as atividades agrícolas humanas ao ecossistema natural do local, de forma a produzir um nível ideal de qualidade e de quantidade de materiais orgânicos. E tudo isto sem o uso de insumos ou de maquinário pesado. Sugere a necessidade de transformação das práticas convencionais de cultivo de plantas, resultando em um novo paradigma.
Em sua introdução propõe a agrossilvicultura como uma alternativa à agricultura moderna e à agricultura itinerante. O sistema combina árvores com cultivo de plantas e/ ou pecuária, e busca imitar a natureza. Para tanto, faz uso de processos como consorciamento de espécies, sucessão natural de espécies, capina seletiva e poda.
Na primeira parte do livro, Götsch relata as experiências e os resultados obtidos aos longo de vários anos de trabalho nesta área. Descreve o método de ensaio e erro estabelecido conforme as estratégias empregadas. Comenta a respeito da importância do consórcio de espécies e sua densidade, bem como do momento adequado de introdução de cada espécie. E aponta a sucessão natural de espécies como força diretriz na agricultura.
Conclui que o essencial para o sucesso dos sistemas agrícolas sustentáveis é a compreensão e reprodução dos processos naturais da sucessão de espécies. E isso requer um profundo conhecimento da fauna e da flora locais.
Em sua segunda parte, realiza uma análise comparativa entre sistemas modernos, tradicionais e agroflorestais de cultivos. Para isso, usa como exemplos os processos de cultivo de feijão e de café. Desta forma, demonstra as vantagens que os dois últimos sistemas apresentam em relação ao método convencional de derrubada, broca e queima. Ressalta o valor da sabedoria tradicional, que combina elementos e estratégias de intervenção agrícola, atuando de modo sinérgico com os demais seres vivos.

O que você pensa sobre isso?